Lucas Laranjeira

The Offspring lança single inédito e anuncia novo álbum após quase 10 anos (Foto: TIJSVL)

The Offspring lança single inédito e anuncia novo álbum após quase 10 anos

Lançamento é previsto para 16 de abril

Postado em 24/02/2021 por

Um dos principais nomes do punk-rock mundial, The Offspring irá lançar um novo álbum após quase uma década. O décimo álbum de estúdio da banda ‘Let The Bad Times Roll’ vai estar disponível via Concord Records no dia 16 de Abril, 2021. Confira o novo single, que saiu hoje (24) acompanhado de lyric video.

Lendas e inovadores da cena punk-rock californiano, The Offspring já venderam mais de 40 milhões de álbuns mundialmente, venceram inúmeros prêmios, e já realizaram turnês, tocando mais de 500 shows apenas na última década. Suas músicas já impactaram em filmes, televisão, e videogames, mas a banda decidiu focar em um novo álbum para ser lançado em 2021. The Offspring é formada pelo cantor Dexter Holland, guitarrista Noodles, baterista Pete Parada e o novo baixista Todd Morse.

As novas músicas foram escritas e gravadas durante os últimos anos em diversas locações incluindo o estúdio da banda em Huntington Beach, Califórnia. O álbum é a terceira vez de The Offspring trabalhando em colaboração com o lendário produtor Bob Rock.

Fiel à irreverência no cerne da música punk-rock, a banda e o letrista Dexter Holland inspecionaram momentos culturais atuais e não fugiram de criar materiais tópicos neste álbum. A faixa título, escrita no final 2019 e gravada em 2020, reflete os desafios constantes do país. Holland diz: “Eu sinto que estamos em um período único na história onde ao invés dos nossos líderes mundiais dizerem ‘estamos fazendo o nosso melhor’, eles dizem algo como ‘foda-se’ e é algo assustador.”

Como disse o guitarrista Noodles: “As pessoas estão dizendo, se tudo está indo para o inferno, podemos muito bem tirar o máximo de proveito disso, ou pelo menos tentar. ‘Let The Bad Times Roll!’”

Novidades nacionais! Braza, Dieguito Reis, João Caetano, Plutão Já foi Planeta, Landau e Bloco do Caos (Foto/Braza: Divulgação)

Novidades nacionais! Braza, Dieguito Reis, João Caetano, Plutão Já foi Planeta, Landau e Bloco do Caos

Confira aqui algumas das novidades recentes da música brasileira

Postado em 22/02/2021 por

BRAZA | A banda carioca Braza lançou o clipe de “Cartas do Tarô”, single que abre alas para o novo álbum, que será lançado ainda esse semestre. 
Em meio à pandemia, a banda também se adaptou a um novo esquema para gravar o single e se reinventou também para produzir o videoclipe, com cada integrante gravando suas cenas de suas respectivas casas. Dirigido por Leo Praça, o vídeo também conta com uma performance de dança de Karoline Pereira e Jonas Souza, além da atuação da atriz e oraculista Ynara Marson, que ajuda a compor um cenário mágico e onírico proposto pelas cartas.

A gente forjou o clipe de ‘Cartas do Tarô’ no forno do improviso e da busca de soluções. Com as restrições da pandemia, gravamos separadamente as cenas da banda, da dançarina e do dançarino, e da oraculista. Na banda, por exemplo, cada integrante gravou em sua casa, criando soluções para a captação do vídeo e da iluminação. Muitas cenas foram gravadas diretamente com celulares. Em seguida, enviamos esse material para o diretor e editor Leo Praça, que montou o vídeo utilizando seu talento para efeitos gráficos, cortes e transições. Para nós, é um clipe que representa bem a atmosfera dançante e suave da música”, comenta Vitor Isensee (vocal e teclados).

DIEGUITO REIS | “Viver além da encarnação”. Esse é o conceito do novo single de Dieguito Reis, “Sou O Que Soul”. Com participação especial de Izy Mistura (Dois Africanos) e IBRAHIM Project, Dieguito retrata a espiritualidade em meio às relações interpessoais. No âmbito melódico, “Sou O Que Soul” mistura a contemporaneidade à uma espécie de reverência à soul music brasileira dos anos 70.  Desta forma, Cassiano, Gerson King Combo, Toni Tornado e Di Melo foram as principais referências durante as sessões de gravação. A produção é assinada por Aquahertz.

JOÃO CAETANO | A música popular brasileira pode se orgulhar dos versos traçados pelos compositores tropicais. A tradição – quase baiana – de fazer grandes artistas corre no sangue latino. João Caetano Brandão Andrade é um desses abençoados (e amaldiçoados) com a poesia que bombeia as veias. Em sua música de estreia, “Retrato em Nota e Verso”, o antropólogo, compositor e capoeirista, entrega o que temos de mais belo e doloroso em notas e versos musicados. 

Com violões gravados por Matheus Patriarcha (Mapa); arranjo, contrabaixo e produção de Luca Bori (Vivendo do Ócio e Jardim Soma), acompanhados pela capa irreverente – e de uma beleza, parece, independente da canção – ilustrada por Hannah Clara Pfeifer, João Caetano pinta seu retrato em nota e verso, presenteando-nos com uma bela, dolorosa e grandiosa canção de estreia. A gravação é o primeiro lançamento de 2021 do Selo Portal.

PLUTÃO JÁ FOI PLANETA | O suspense acabou e a banda Plutão Já Foi Planeta vem com uma surpresa em dose tripla: vocalista nova, single novo e clipe. Tudo de uma vez só! A rondoniense Cyz Mendes assume os vocais e se junta a Sapulha Campos (guitarra), Renato Léllis (bateria) e Gustavo Arruda (guitarra). E ela tem um currículo de peso: protagonista da ópera rock “Doze Flores Amarelas” dos Titãs, ex-vocalista da banda Turnê, além de mais de 53 músicas lançadas com diversos artistas e bandas, entre muitos outros projetos. Cyz chega para trazer novos ares à estética do grupo, como já demonstra o novo single.

“Acostuma” é o primeiro trabalho do quarteto em 2021, além da estreia de Cyz Mendes como membro oficial da Plutão. Com uma pegada mais roqueira, vocais intensos e atmosfera pop oitentista criada pelos synths, a música é uma celebração da chegada da banda a São Paulo e dos novos caminhos ainda por trilhar. Com exceção de Renato Léllis, todos os integrantes vieram de diferentes lugares do Brasil. A banda decidiu expressar a união desses momentos e histórias não só na composição, como também na capa do single e no vídeo clipe.

LANDAU | Para aquecer os corações com boas lembranças, o cantor e compositor Landau lança o clipe “Amor Demais”, escrita neste período de reconhecimento máximo à importância de entes queridos. Com uma sonoridade mais leve do que as de costume do artista, o violão, teclado, piano e até mesmo a viola caipira fala mais alto junto com a sensibilidade do cantor e compositor.

Produzido e filmado por Gustavo Frandoloso da Roleta Russa filmes e com a fotografia de Bruno de Souza, o clipe foi gravado em sua cidade natal, Alfenas (MG), no colégio em que Landau estudou e que sua mãe deu aula, dando uma conotação mais emocional do que nunca para o lançamento.

BLOCO DO CAOS | Em seu novo single, o Bloco do Caos critica o “Brasil promessa”, que nunca se concretiza. O nome, “Fim de Março”, inclusive, é referência a “Águas de Março”, de Tom Jobim, que fala exatamente sobre isso: um projeto de Brasil, sempre inacabado, “o carro enguiçado”, a “promessa de vida”. A música é mais uma que fará parte do álbum ‘Minha Tribo’, a ser lançado pelo grupo neste ano.

“A gente tentou escancarar o posicionamento internacional do Brasil ainda (e, com o governo atual, cada vez mais) colonial, entreguista”, diz o compositor e guitarrista Renato Frei. “Nos afastamos de um Brasil do povo (‘distantes as pretensões de Dorival’) e nos aproximamos da subserviência (‘asfixiantes as caravelas de Cabral’). E tudo isso remonta à nossa origem como país, posterior ao ‘descobrimento’: nascemos, de fato, da invasão e, infelizmente, crescemos perdão”.

“Fim de Março” deixa claro mais uma vez o teor altamente crítico das canções do Bloco do Caos. “Para nós, o artista tem sempre que se posicionar, é um dever dele. Se temos voz, devemos usá-la”, afirma Alê Cazarotto, vocalista e compositor. “Por isso que temos dificuldade de não escrever sobre aquilo que nos incomoda, não dá pra fugir”. A música, vale dizer, não tem meios termos. É o retrato nu e cru do Brasil “história pra boi dormir”, que, mesmo tão rico e diverso, cedeu tudo para os poderes que o colonizam.

DNSM lança lyric vídeo e série de shows com convidados em lives (Foto: Bruno Ishihara)

DNSM lança lyric vídeo e série de shows com convidados em lives

Banda paulistana mistura música eletrônica com outros elementos

Postado em 19/02/2021 por

A banda paulistana DNSM, que mistura rock com música eletrônica, lança o lyric video da música “Quem Vai te Salvar”, faixa do EP ‘Soma’, disponível desde o ano passado nas plataformas de streaming. O lançamento marca o início do projeto ‘DNSM Convida’, uma série de lives, cada uma com um convidado especial diferente.

O lyric é uma animação com pontual crítica social, produzido por Handel Meireles, que já trabalhou em outras produções da banda. Assista:

JJ Zen, vocalista da banda, explica a origem do projeto DNSM Convida, viabilizado com apoio do ProAc e da Lei Aldir Blanc.

“A crise sanitária que o mundo se encontra mostrou que é necessário dividir, quebrar as barreiras e fronteiras para um bem maior. Da mesma forma, entendemos que é necessário dividir o espaço público e o mundo digital/online com outros artistas, que foram duramente afetados pela crise atual. Não podemos nos esquecer daqueles que também trabalham neste meio, seja fora ou antes do palco.”

O projeto será de curta duração, mas com valor significativo para música independente, ressalta a banda. Serão seis shows online com seis artistas convidados, que se apresentarão juntos ao DNSM, tocando músicas tanto da anfitriã como da sua própria carreira.

A primeira apresentação aconteceu no último dia 6 de fevereiro, junto à banda Fogo Corredor (assista aqui). Dia 20/2 é a vez da banda Teorias do Amor Moderno participar do projeto ao lado da DNSM. As demais lives trarão como convidados Gustavo da Lua, Dieguito Reis, Sancô e Arte Kerosene.

Este trabalho, além de render vídeos e EPs que serão divulgados nas redes sociais, deverá também mostrar a possibilidade e viabilidade da união dos povos representados por estes artistas, mesmo que pequenos, mas que levem o significado da ação conjunta na grande história da música independente.

Todas as apresentações são transmitidas gratuitamente pelo YouTube e Facebook da banda. Para acompanhar e ficar por dentro do projeto, basta acessar as redes da banda.

Em 2019 a banda passou pelo Showlivre, confira a música “Ponto de Gira” ao vivo em nosso estúdio:

Conheça o Produtor Crystal, espaço para músico independente mostrar seu talento (Foto: Divulgação)

Conheça o Produtor Crystal, espaço para músico independente mostrar seu talento no Trilha de Sexta

Vídeos escolhidos são apresentados no programa, apresentado por Jackeline Petkovic

Postado em 18/02/2021 por

“’É significativo ter uma atenção dessas para quem, como eu, está em início de carreira’; ‘Gostei demais de ver minha composição sendo mostrada para o Brasil inteiro e assim, tocar os corações com minha música’; ‘Para nós, artistas independentes, participar desses movimentos permite uma visibilidade relevante’”. Essas são algumas das frases ditas no ano passado por artistas que participaram do Produtor Crystal, quadro que apresenta músicos independentes dentro do Trilha de Sexta.

Alguns em início de carreira, outros com mais tempo de estrada, o que eles têm em comum é fazer parte de um circuito da música que não aparece com frequência na TV, nas rádios ou mesmo nos programas de web. Mas estão conquistando espaço, fazendo shows em bares, restaurantes, no YouTube… E apoiar esse artista é o principal motivador para a Crystal no Trilha de Sexta: abrir espaço para quem viu seu trabalho paralisado por causa da pandemia. Esse foi o objetivo no ano passado, e continua sendo nesta segunda temporada, que começa em 5 de março em parceria com o Showlivre.

Para participar você precisa ser cantor, músico ou participar de uma banda e se inscrever em R7.com/produtorcrystal e mandar um vídeo. Você precisa ser independente, com música autoral. Não vale cover! As equipes de Crystal e do R7 farão a curadoria dos vídeos e cinco serão selecionados e aparecerão no Trilha de Sexta e nas redes sociais do R7 a cada programa.

Mande agora o seu vídeo e você poderá estar no programa de estreia! Clique aqui e faça a inscrição!

CarnaRock Oz 2021 será online no Showlivre com shows 12 e 12 de fevereiro (Foto: Willian Soares)

CarnaRock Oz 2021 será online no Showlivre com shows 12 e 13 de fevereiro

Mato Seco, Teorias do Amor Moderno, NDK e Naguetta serão atrações

Postado em 12/02/2021 por

Com transmissão ao vivo pelo YouTube e Facebook, a Orangeira Music, em parceria com o Showlivre.com, apresenta as quatro atrações do CarnaRock Oz 2021, que acontece entre os dias 12 (sexta) e 13 (sábado) de fevereiro. Mato Seco é o principal nome do evento, banda referência do reggae rock nacional desde 2002 na ativa.

Quem abre o evento na sexta, às 15h, é a banda osasquense Naguetta, com seu autêntico rock misturado ao soul e reggae. Em seguida, às 18h, é o rock alternativo do NDK.

No sábado, além da citada Mato Seco, às 15h, com o novíssimo show do disco ‘Resistir Sempre Vencerá’, o CarnaRock Oz 2021 terá, às 18h, show da sensação do rock alternativo nacional, a Teorias do Amor Moderno, power trio com vocal feminino potente e expressivo de Larissa Alves.

A primeira edição, em 2020, reuniu mais de 500 pessoas na praça do Samba, em Osasco, e contou com 10 bandas – as quatro principais com mulheres nos vocais: Deb And The Mentals, Vir GO, Putz e a mesma Teorias do Amor Moderno que volta agora em 2021. Também tocaram Cidadão Cafeína, Expresso Valvulado, Radio Attack, Azoo, Sukinho di 10 e BMBC.

Assista em: www.showlivre.com, facebook.com/showlivre.com ou www.bit.ly/YouTubeShowlivre.

Serviço CarnaRock Oz 2021
Evento: https://www.facebook.com/events/877983119700933/
Data: 12 e 13 de fevereiro de 2021
Transmissão ao vivo pelo Facebook e Youtube do Showlivre.com
Gratuito